29/06/2022

Como fazer uma massagem tântrica? | DYÔ

MASSAGEM TÂNTRICA: TUDO QUE PRECISA SABER

A massagem já é conhecida como uma ótima forma de relaxar e se conectar com o próprio corpo. 

Mas você sabia que além de renovar as energias ela também pode ser uma ferramenta capaz de criar uma atmosfera sensual e se conectar intimamente com seu parceiro? 

Por isso, hoje, a DYÔ quer te contar mais sobre a massagem sensual e como criar um ambiente perfeito para exalar mais sensualidade nas suas relações, acompanhe!  

 

O QUE SÃO MASSAGENS SENSUAIS?

Não é segredo que com uma boa massagem, você consegue aliviar o estresse, melhorar o sono, diminuir os níveis de ansiedade e ainda, conquistar diversos benefícios que o relaxamento pode trazer para o corpo e para a mente. 

Existem diversos tipos de massagens, e uma delas é a sensual, que além de conferir os benefícios citados acima, ainda pode proporcionar resultados surpreendentes para as relações sexuais. 

A massagem sensual nada mais é que um conjunto de manobras de massagem que possuem técnicas parecidas da massagem terapêutica. A diferença entre elas, é que a massagem sensual tem um contexto erótico que não existe na massagem terapêutica tradicional. 

Na primeira, é comum que haja contato íntimo entre os massagistas e os pacientes como no caso da massagem tântrica.

Mas calma! Seu parceiro não precisa receber massagem sensual de outras pessoas. Mais abaixo, te contaremos quais outros tipos de massagem existem e daremos dicas de como fazer uma massagem sensual.

 

QUAIS OS TIPOS DE MASSAGENS QUE EXISTEM?

Antiestresse

A massagem antiestresse consiste em pressionar pontos importantes com o objetivo de relaxar os músculos, tirar a tensão, evitar dores no corpo e aliviar o estresse e a ansiedade. 

Isso acontece pois, o principal hormônio liberado com essa massagem é a ocitocina, que permite que o corpo fique mais relaxado e que a sensação de bem-estar esteja mais presente depois da massoterapia.

Ayurvedica

Também conhecida como Ayurveda, essa é uma das diversas técnicas indianas quando o assunto é massagem para relaxar. Essa técnica existe há mais de 7 mil anos e é baseada em uma medicina de cura oriental. 

O foco dessa massagem é abrir os canais energéticos bloqueados para que seja possível alongar os músculos, melhorar a energia de quem recebe a massagem e proporcionar grandes níveis de relaxamento, alívio a dores e mais sensação de bem-estar. 

Tântrica

A massagem tântrica é uma técnica de massagem ideal para quem quer se conectar mais profundamente com seu parceiro ou parceira. Além de benefícios como relaxamento e aumento da sensação de bem-estar, a massagem tântrica é capaz de proporcionar autoconhecimento e melhorar a energia vital.

A técnica envolve os chakras e usa transferência de energias para estimular todas partes do corpo (inclusive as sexuais).

Mas mesmo que essa seja uma massagem erótica, o foco dela não é apenas a relação sexual, até porque muitas vezes a massagem tântrica pode ser realizada por um terapeuta tântrico, que não possui relações com o paciente.

 

Quer saber como fazer uma massagem tântrica? Nós te contamos! 

COMO FAZER UMA MASSAGEM TÂNTRICA?

Crie um clima

Criar uma atmosfera erótica faz toda a diferença na hora de fazer com que o seu parceiro entre no clima. Experimente manter uma luz baixa no local da massagem, colocar uma playlist calma, adicionar velas e borrifar aromas afrodisíacos no ambiente.

Use óleos de massagem

Ninguém merece uma massagem com atrito, né? Por isso, opte por utilizar óleos corporais que sejam específicos para a massagem.

Além deles serem capazes de conferir um toque suave e aveludado pelo corpo, seu aroma é capaz de aguçar ainda mais os sentidos já que possui notas da aromaterapia.

Para toques suaves e sensuais, clique aqui!

Conheça as manobras

Depois de criar o ambiente perfeito e investir em óleos de massagem de qualidade, é hora de conhecer as melhores manobras para uma massagem sensual. Siga o passo a passo:

 

Iniciando a massagem

Peça para que o parceiro deite-se de bruços e inicie a massagem pela parte de trás do corpo, nessa primeira etapa é importante não economizar no óleo.  

Esse é o momento para aumentar a confiança e sensibilidade de quem recebe a massagem, aproveite para observar como o parceiro reage aos toques e pressão no corpo. 

Permaneça com a massagem nessa posição por aproximadamente 20 minutos.

Comece a massagem na parte da frente do corpo

Depois de estar relaxado, peça para que seu parceiro vire para a frente a massageie cada parte do seu corpo.

Estenda os movimentos de massagem para as pernas, pés (inclusive entre os dedos) mãos e braços. Também é importante prestar movimentos especiais em zonas erógenas e sensíveis como seios e barriga. Isso porque, essas áreas são zonas mais vulneráveis do corpo e massageá-las possui um poder curativo. 

Permaneça nessa posição, também, por aproximadamente 20 minutos.

Por mais que seja tentador, por enquanto, não faça mais do que provocar delicadamente a região do pênis ou vulva, foque em passar os movimentos de maneira delicada por essas regiões.

Passe para as zonas erógenas

Chegando nos últimos estágios da massagem tântrica, é hora de massagear a região e os órgãos sexuais do parceiro. Nessa etapa, a calma e delicadeza são fundamentais. 

Quando a massagem chegar ao pênis, procure observar a velocidade da excitação do parceiro. Se perceber que a excitação está crescendo de maneira rápida ou que a região está muito sensível, diminua o ritmo e mova a massagem de volta para o resto do corpo. 

Lembre-se de que a ideia dessa massagem sensual não é a ejaculação em si, mas sim a experiência de sentir a atmosfera sensual de outras maneiras. 

Caso quem esteja recebendo a massagem seja uma mulher, o mesmo princípio vale. Quando for massagear a vulva procure manter movimentos no ritmo da parceira e observar se ela muda conforme os níveis de excitação, procure usar bastante óleo, acariciar, provocar e dar prazer para todas as partes da região incluindo os lábios externos e internos, o períneo, a abertura da vagina, o clitóris e as áreas ao redor.

Finalizando a massagem

Ao contrário do que muitos acreditam a hora certa de terminar a massagem não é quando o receptor atinge o clímax, isso na verdade, anula completamente o propósito da massagem.

Nesse tipo de massagem sensual o recomendado é que só se finalize a massagem depois de cerca de uma hora e meia e após pelo menos 30 minutos de dar prazer ao pênis ou vulva, independente se houver orgasmo ou não.

Na massagem tântrica é indicado não usar a massagem apenas como um precursor para sexo com penetração. Mas isso não é uma regra já que toda essa técnica é feita para se conectar melhor com a sexualidade. 

 

 

Qualquer tipo de massagem é uma excelente forma de aliviar o estresse e aumentar o relaxamento e o bem-estar. O indicado é que, independente do tipo de massagem, sejam utilizados óleos próprios para a técnica pois estes, diminuem o atrito das mãos do massagista e promovem mais eficácia para quem recebe a massagem.

As massagens sensuais são capazes de proporcionar benefícios à saúde física e emocional, e claro, potencializar a sensualidade e conexão do casal com a prática.

Existem inúmeros tipos e técnicas de massagens sensuais e nesse artigo, a DYÔ te contou um pouco mais sobre a massagem tântrica e algumas dicas de como utilizar essa técnica para se conectar melhor com a sensualidade.  




*As informações desta matéria foram retiradas do link: https://www.ecycle.com.br/massagem-tantrica/